O que avaliar na compra de um Notebook?

O que avaliar na compra de um notebook? Confira quais os detalhes a serem levados em consideração ao selecionar o dispositivo para compra, a fim de evitar prejuízos e adquirir o melhor de acordo com as suas necessidades de trabalho.

Ao pesquisar por notebook no mercado, encontramos inúmeras opções, desde modelos mais básicos a modelos com o mais alto nível de tecnologia e design, no entanto, você precisa ter em mente para que vá utilizar o dispositivo e quais características ele precisa ter para otimizar o seu trabalho.

Primeiramente, cuidado com compras online, acesse lojas que possuem boa reputação, avaliação e depoimentos de clientes, como exemplo, o site KaBum é confiável e um dos mais acessados para compra de itens de tecnologia.

Confiram a seguir o que avaliar na compra de um notebook:

O que avaliar na compra de um notebook?

O que avaliar na compra de um notebook

Ao comprar o laptop que melhor atende as suas necessidades, se você for autônomo, empresário, trabalhar em viagem ou Home Office, tenham em mente os seguintes fatores:

  • Preço
  • Autonomia
  • Leveza
  • Conectividade
  • Desempenho

Além disso, as principais características a serem avaliadas são:

Sistema operacional adequado

Ao escolher o sistema operacional mais adequado para trabalhar com seu notebook, você deve ter clareza sobre a finalidade de seu uso e quais são seus conhecimentos.

As opções neste campo são três:

  • Windows: Funciona em computadores com processadores Intel e AMD.
  • MacOS: Indicado apenas em computadores Apple.
  • Linux: Funciona em ambas as plataformas.

O Windows atende à maioria das necessidades dos usuários profissionais e é fácil de usar e configurar, sem a necessidade de conhecimentos avançados de informática. Além disso, praticamente todos os programas do mercado possuem uma versão para Windows.

O Mac OS é considerado por muitos especialistas o sistema operacional mais fácil de usar, o mais inovador e a estética mais refinada. O número de programas disponíveis para esta plataforma ainda não é tão elevado quanto o da Microsoft, embora atenda às necessidades de qualquer usuário profissional. É no retoque, produção e edição multimédia que este sistema tem o seu ponto forte.

O Linux oferece potência, estabilidade, segurança contra vírus e funciona para fazer qualquer trabalho. Por contras, não é tão fácil de usar quanto os outros dois e é necessário conhecimento técnico para realizar algumas tarefas. Mesmo assim, suas versões mais recentes são muito mais amigáveis, por isso começou a se espalhar entre alguns usuários profissionais.

Ao instalar novos periféricos, enquanto no Windows e Mac OS é quase automático, no Linux normalmente é necessário realizar alguma configuração manual.

Se você não quer quebrar a cabeça instalando um periférico “à mão” no Linux ou acabar virtualizando o Windows e MacOS para poder usar aquele aplicativo que você precisa, minha recomendação é o Windows 10.

O Windows 10 é universal, simples, poderoso e seguro. Perfeito se você trabalha por conta própria e precisa se concentrar em seus negócios sem perder tempo procurando ou aprendendo a lidar com os aplicativos de que precisa.

Tipos de processadores para notebook

O processador é o cérebro do computador, responsável por executar o sistema operacional e os aplicativos. Atualmente, os principais processadores são das linhas Core i3, i5 e i7, da Intel, e Ryzen e Ryzen Pro, da AMD.

Se você quiser que seu notebook seja usado para fazer tudo o que você precisa por muito tempo, o recomendo é pelo menos um dispositivo INTEL i5 ou i7 de 7ª geração; ou seus equivalentes AMD.

Explicar o que os números e as letras significam nos processadores Intel tornaria este artigo muito longo, então deixarei para vocês a explicação daqueles que correspondem aos processadores mais simples.

Significado dos números e letras dos processadores INTEL

  • Intel Core: indica a arquitetura à qual pertence.
  • i7: É a família de processadores topo de linha, dentro da Intel Core.
  • 7: O primeiro número indica a geração, neste caso, o Sétimo.
  • 500: indica que está na zona médio-alta em termos de desempenho, dentro da faixa i7.
  • U: Significa que o processador tem um consumo baixíssimo de baterias, usado em laptops.

Como você pode ver, basta olhar o nome do processador para saber muito sobre ele e, o que é mais importante, compará-lo com outros.

Memória RAM necessária para trabalhar com notebook

escolher notebook

Aqui, você deve olhar principalmente para duas coisas: quantidade e tecnologia.

Com 4GB você tem o suficiente para mover o sistema operacional com fluência, mas se precisar ter vários programas e abas do navegador abertos ao mesmo tempo deve-se optar por pelo menos 8GB, o que garantirá que não vai encher e atrasar todo sistema.

E sobre tecnologia, tente o máximo possível torná-lo DDR4. Esse tipo de memória é mais rápido e consome menos bateria do que seu predecessor DDR3; e os processadores Intel de 7ª geração estão prontos para aproveitar todo o seu potencial.

Unidades de armazenamento em notebook

Existem dois tipos de unidades de armazenamento para um notebook: disco rígido (HD) e unidade de estado sólido (SSD). Ambos são responsáveis ​​por ler e salvar todas as informações no computador.

A diferença entre HDD e SSD é que o primeiro trabalha magneticamente com discos físicos, enquanto o segundo o faz por meio de circuitos eletrônicos, que permitem uma maior velocidade de leitura e escrita dos dados.

Não há dúvidas aqui: você deve ter um disco rígido de estado sólido (SSD). Eles consomem muito pouco, não fazem barulho, não emitem calor ou vibrações e, o mais importante, são cerca de 5 a 6 vezes mais rápidos do que um disco convencional.

Comparação entre discos HDD e SSD

Uma configuração muito interessante é um laptop com duas unidades de disco, um SSD para o sistema operacional e aplicativos; e um HD de maior capacidade para armazenamento de dados.

Por trabalharmos cada vez mais com dados na nuvem e as unidades de memória USB ficar cada vez menores e com maior capacidade de armazenamento, os leitores, tanto para cartões como DVD e Blu-Ray, estão se tornando totalmente obsoletos e desuso.

Em laptops com duas unidades de armazenamento, o HD é montado no espaço que a unidade de DVD costumava ocupar. Se precisar, você pode comprar um gravador de DVD externo por um ótimo preço.

Relevância da placa de vídeo em notebooks para o trabalho

A placa de vídeo converte os dados em informações que podem ser entendidas por um dispositivo de saída (monitor, televisão ou projetor). Em laptops, geralmente é integrado ao processador. Para tarefas mais exigentes, uma unidade de processamento gráfico (GPU) é usada, que é conhecida como placa de vídeo dedicada.

Aqui, a decisão é baseada em se você trabalha intensamente com programas de vídeo ou não. Para um computador cuja utilização será exclusivamente para gestão de documentos e negócios, navegação na web, processamento fotográfico ou programas de cálculo, a placa gráfica dedicada não é um fator de extrema importância.

No entanto, uma placa gráfica de alta potência é essencial em computadores profissionais para edição de vídeo, design 3D ou videogames, onde toda a potência gráfica dessas placas dedicadas é necessária.

Tamanho e resolução da tela

Os fatores a serem considerados em relação à tela de um laptop são o tamanho, a resolução e a tecnologia usada.

A maioria desses computadores possui monitores com comprimento diagonal entre 11 e 17 polegadas. Para a maioria dos usos, uma tela de 14 ou 15 polegadas é geralmente o melhor equilíbrio entre leveza e conforto durante o trabalho.

Em termos de resolução, uma tela Full HD (1920 × 1080 pixels) costuma ser mais do que suficiente para a maioria, garantindo uma densidade adequada para ver todos os detalhes com clareza em telas em torno de 13-15 polegadas.

As telas 2K ou 4K são o sonho de qualquer fotógrafo, designer gráfico ou editor de vídeo, pela quantidade de detalhes que oferecem. Mas apenas os laptops mais pesados ​​com uma tela maior tiram proveito de toda essa resolução.

A tecnologia do monitor também deve ser levada em consideração. Enquanto os painéis TN oferecem cores e ângulos de visão baixos, em troca de tempos de resposta rápidos e taxas de atualização, aqueles com tecnologia IPS projetam cores mais realistas e ângulos de visão de até 178 graus, embora com uma velocidade mais lenta do que os anteriores.

Além disso, você pode avaliar se está interessado em ter uma tela sensível ao toque ou não. Hoje em dia existem muitos modelos de notebooks com tela sensível ao toque, o que é muito útil, já que estamos cada vez mais acostumados a pressionar tudo por causa dos smartphones e tablets.

A tela de toque pode ser uma vantagem para trabalhar mais rápido e levar menos tempo ao escolher o aplicativo que deseja abrir na área de trabalho.

Conectividade em notebook

Normalmente os elementos incluídos no laptop não são suficientes e você provavelmente precisará de componentes periféricos no uso diário: desde impressoras, projetores, pendrives e discos rígidos externos até placas de vídeo dedicadas ou interfaces de áudio.

Portanto, as portas disponíveis para conectar periféricos ao laptop devem ser elementos a serem levados em consideração, já que sua geração e tipo podem ser incompatíveis com plug-ins de versões superiores.

Um computador com portas USB 2.0 não reconhecerá componentes USB 3.0, por exemplo. No entanto, uma porta USB 3.1 reconhecerá unidades flash USB 3.0 e USB 2.0 e periféricos.

Não só para aproveitar o aumento de produtividade que trabalhar com duas telas pode trazer, mas porque é muito mais confortável para os olhos se você vai passar muitas horas em frente ao computador.

Portanto, o laptop ideal para o trabalho deve ter uma porta HDMI ou DisplayPort. Se você tem uma boa televisão, é preferível procurar um computador com HDMI. No entanto, DisplayPort oferece melhores recursos se você estiver conectando-o a um monitor.

Vida útil da bateria do notebook

A capacidade da bateria de um notebook é um ponto importante, pois uma questão fundamental é sua mobilidade.

O tempo que o computador consegue trabalhar desconectado da tomada está diretamente relacionado ao número de células da bateria. O melhor é pelo menos 6 células, caso contrário, a bateria pode acabar rapidamente.

Pense que quanto mais você força o equipamento, mais ele vai consumir então você tem que ter em mente para que vá usá-lo. Não é a mesma coisa usar um laptop para jogos do que projetar profissionalmente, administrar seus negócios ou navegar na Internet e assistir a filmes.

Dois tipos de bateria são normalmente encontrados em notebooks: íon de lítio e polímero de lítio. Ambos se caracterizam pelo bom comportamento exceto em altas temperaturas, estão cada vez menores e, nos computadores mais modernos, estão integrados internamente, portanto não podem ser removidos.

E agora vem a grande pergunta que todos nós nos perguntamos: Posso deixar o laptop conectado à rede elétrica da distribuidora de energia o tempo todo ou isso causa algum tipo de sobrecarga?

Você pode deixar seu laptop conectado o tempo que quiser, porque não há perigo de sobrecarregar a bateria. Assim que a bateria estiver totalmente carregada, esse processo será interrompido e não será reiniciado até que a tensão da bateria caia abaixo de um determinado nível.

No entanto, não deixe o laptop completamente descarregado por um longo tempo, pois se a bateria ficar descarregada por um longo período, ele pode se colocar em um estado de descarga profunda do qual não se recuperará.

A vida útil das baterias do notebook é medida em ciclos de recarga. Não existe um padrão que especifique o que constitui um ciclo de recarga em detalhes, mas muitas vezes é assumido que um ciclo de recarga completo se aplica quando recarregamos a bateria depois de descarregar abaixo de 20%.

O grande inimigo da duração da bateria é o calor, por isso é aconselhável usar uma base de refrigeração para notebook.

Importância do peso do notebook

O peso do laptop é determinado pelo número de componentes que o computador carrega, pelo tamanho e pelos materiais de que é feito. Não é a mesma coisa que você comprar um laptop de 17 ″ com uma placa de vídeo, do que um laptop de 13 ″ com poucos componentes.

Se a portabilidade é muito importante para você, a fim de poder levar o dispositivo para qualquer lugar, é melhor avaliar bem o peso do laptop que está pensando em comprar.

Garantia

É muito importante verificar o prazo de garantia disponibilizado pela loja em que efetuou a compra e pelo fabricante, a fim de ter em mente até quando pode acionar o serviço de suporte técnico se precisar. Normalmente, a solicitação é realizada através do número de telefone, para saber o endereço da loja de suporte.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *